Conecte-se conosco

Justiça

Caso Bernardo: Evandro Wirganovicz está em liberdade condicional

Publicado

em

Foi concedida liberdade condicional para Evandro Wirganovicsz, sentenciado a nove anos e seis meses de prisão pelo homicídio e ocultação de cadáver de Bernardo Boldrini. O condenado foi solto na noite de segunda-feira, 25. A informação foi prestada pelo advogado Luiz Geraldo Gomes dos Santos, o qual atuou no processo de defesa do acusado.

Em contato com o Fórum de Três Passos, a assessoria da juíza Sucilene Engler Werle – a qual autorizou a liberdade – informou que, no entendimento da magistrada, Evandro cumpriu os requisitos básicos para o benefício. Dentre estes requisitos estão inclusos o objetivo (cumprimento de um terço da pena) e o subjetivo (bom comportamento carcerário).

O conteúdo do RS Agora é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

Notícias da Semana