Conecte-se conosco

Polícia

Mulher é presa por maus-tratos contra própria mãe, de 77 anos, em Capão do Leão

Advogada, de 45 anos, ainda tentou ameaçar policiais que foram até a casa dela após serem chamados por vizinhos que ouviram gritos. A idosa chegou a ter uma medida protetiva contra a filha, mas por pena, pediu que fosse retirada.

Publicado

em

Uma mulher, de 45 anos, foi presa em flagrante por maus-tratos contra a própria mãe em Capão do Leão, no Sul do estado. Vizinhos ouviram as agressões e gritos da idosa, de 77 anos, e chamaram a polícia. Segundo os policiais, a filha havia gritado e puxado os cabelos da idosa. A porta da casa teve que ser arrombada. A vítima foi encontrada deitada em uma cama, bastante debilitada. A idosa não tinha nem a chave de residência.

Mulher é presa por maus-tratos contra própria mãe, de 77 anos, em Capão do Leão. — Foto: Polícia Civil/Divulgação

A mulher, que é advogada, teria ainda ameaçado os policiais ao receber a voz de prisão. Segundo a polícia, já haviam registros de maus-tratos da advogada contra a mãe. A mulher de 77 anos tinha uma medida protetiva contra a filha, mas por pena, pediu numa audiência, há três meses, que fosse retirada e voltou a morar com a advogada. Depois isso, a investigação foi arquivada. À polícia, os vizinhos relataram que as agressões já aconteciam há vários anos. O delegado que investiga o caso Sandro Bandeira informou que a idosa sofria violência física e psicológica. A advogada foi encaminhada ao Presídio Regional de Pelotas.

Notícias da Semana