Conecte-se conosco

Rio Grande do Sul

Alerta no RS: Ciclone extratropical traz ventos fortes

Publicado

em

A formação e deslocamento de um ciclone extratropical no Rio Grande do Sul entre amanhã (30/06) e a quarta-feira (01/07), já sobre o oceano, vai resultar em ventos fortes em diferentes momentos e áreas de abrangência no estado.

As maiores rajadas de ventos são esperadas na metade norte (especialmente nos municípios da Serra Gaúcha e Campos de Cima da Serra), partes da região Sul e toda faixa litorânea e proximidades, podendo atingir valores próximos ou acima de 100 km/h, principalmente na madrugada e manhã da quarta-feira.

Foto: Divulgação

Abaixo, municípios (além das áreas próximas) inclusos com maiores riscos:

▪️Arambaré
▪️Arroio do Sal
▪️Arroio Grande
▪️Balneário Pinhal
▪️Camaquã
▪️Cambará do Sul
▪️Capão da Canoa
▪️Capivari do Sul
▪️Caraá
▪️Chuí
▪️Cidreira
▪️Dom Pedro de Alcântara
▪️Ilha dos Marinheiros
▪️Imbé
▪️Itati
▪️Jaguarão
▪️Jaquirana
▪️Lagoa Bonita do Sul
▪️Mampituba
▪️Maquiné
▪️Morrinhos do Sul
▪️Mostardas
▪️Osório
▪️Palmares do Sul
▪️Pelotas
▪️Rio Grande
▪️Santa Vitória do Palmar
▪️São Francisco de Paula
▪️São José do Norte
▪️São José dos Ausentes
▪️Tavares
▪️Terra de Areia
▪️Torres
▪️Tramandaí
▪️Três Cachoeiras
▪️Três Forquilhas
▪️Turuçu
▪️Vacaria
▪️Viamão

Nas demais regiões, as condições indicam rajadas que devem variar entre 60 e 80 km/h no intervalo, como exemplo os municípios de Bagé, Cachoeira do Sul, Encruzilhada do Sul, Erechim, Passo Fundo, Piratini, Porto Alegre, Rio Pardo, Santana do Livramento, Santa Maria, Santiago e São Gabriel.

INSTRUÇÕES – Em caso de fortes rajadas de vento, não se abrigue debaixo de árvores, pois há tanto risco de queda de galhos quanto estes sobre os fios de energia elétrica e não fique próximo e/ou estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda.

Atenção as novas atualizações.

Fonte: Sul Meteorologia

O conteúdo do RS Agora é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

Notícias da Semana